carta de Lourenço

26 fevereiro, 2010

ela disse pra eu sair de casa quando eu disse que ela ía acabar sozinha. quem vai acabar sozinho sou eu. mas disso ela não sabe. nem precisa saber. já tive mais medo dessa história. hoje eu não penso. e não adianta chorar. solidão é coisa que se resolve com um tiro na boca. ou uísque e cigarro. devo ficar com o segundo. e algumas trepadas sem nome.

Anúncios

One Response to “carta de Lourenço”

  1. Rafaela Says:

    A solidão é sempre o ”destino” mais triste. E ela sempre acontece. Parece que tudo que sobrou foi o vazio.

    Eu gostei muito dessas cartas. Você que escreveu?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: